Poeminha para o Choque-Rei

Choque-Rei, um clássico imortal

Saudações são-paulinas,

Nesta gostosa véspera de clássico, divido com todos um poeminha que fiz. Ele veio em inspiração, suavemente, nas minhas andanças na arquibancada do Morumbi à luz do luar e dos refletores do melhor e maior estádio particular do mundo.

Amanhã, eu sei.
O que o Tricolor tem.
É dia de Choque-Rei
e há de se jogar bem.

Na paz, na humildade.
Apesar das diferenças,
não pode ter violência,
em nossa rivalidade.

Por isso, torcedor,
não hesite nem uma vez.
Apoie o nosso Tricolor
e respeite o nosso freguês.

Paz nos estádios e que no clássico vença o São Paulo!

Um até breve do Gato do Velódromo!

Comente aqui...

comentário