Virada da alegria

Com O show de Robinho, o Galo venceu de virada o clássico contra o Cruzeiro no último domingo. Apesar do equilíbrio do primeiro tempo, criamos muito pouco e saímos para o vestiário com o adversário na frente no placar.

O TIME voltou para o segundo tempo com outra cara e com sangue nos olhos. O técnico, Oswaldo de Oliveira, colocou Yago no lugar de Roger Bernardo. Roger Bernardo não fez um bom primeiro tempo, mas colocar o Yago, pra nós, não mudaria muita coisa. – E não é que eu estávamos erradas! – Yago marcou a saída de bola do Cruzeiro e já deu uma melhorada no time.

Aos dez minutos da segunda etapa, o técnico substituiu Valdívia por Cazares. E cinco minutos depois nascia o primeiro gol do Atlético de uma cabeçada do Otero! OLHA O GOL!

Fotos: Bruno Cantini / Atlético

E a estrela do Robinho brilhou tanto que despertou invejinha de vários sistemas solares. Aos 21, Robinho fez grande jogada na área, driblou seu marcador e chutou no canto para virar o placar no Mineirão. OLHA O GOL!

Fotos: Bruno Cantini / Atlético

Aos 35, Robinho cortou seu marcador e chutou colocado para fazer um golaço… inesquecível, Galo 3 a 1. – OLHA O GOL! –

Fotos: Bruno Cantini / Atlético

Robinho foi decisivo no clássico. O melhor em campo. Essa foi a melhor partida dele no ano. A gente fica se pergunta por que não teve essa regularidade durante o ano? O que nos faz pensar, afinal o ano já está chegando ao seu fim sobre sua recontratação. O contrato dele termina no fim de 2017 e achamos que só deveria renovar caso o Galo conseguisse uma vaga na Libertadores 2018 caso contrário não. Ele é um excelente jogador, mas tem um salário igualmente proporcional a sua semirregularidade no time. Se ele tivesse nos presenteado com mais exibições como as de domingo, com certeza o time estaria bem melhor colocado nas competições deste ano e iríamos querer revê-lo no elenco de 2018.

 

 

#VaiPraCimaDelesGalo

#paixãodopovo

Comente aqui...

comentário